20 de agosto de 2011

sociedade interesseira


Num mundo de deveres e finalidades monótonas e utilitárias, a vida parece escorregar por entre os dedos daqueles que pretendem retê-la.
Vive-se na e para a aparência, numa mediocridade de valores em que a comunidade humana aparece como uma simples associação de interesses, em que as pessoas se perdem dentro do próprio orgulho e egoísmo.
Nos dias de hoje gerou-se o individualismo, o egocentrismo de quem não se preocupa em descobrir o coração de alguém. Neste mundo de humanos, a maior parte das pessoas tem a ambição do ter e não do ser.  A personalidade de um humano é ocultada por meia dúzias de valores monetários e, quando despidos de valor, nada importa o significado desse mesmo ser ... a isto se chama: sociedade interesseira


6 comentários:

  1. sociedade SUPER interesseira diria eu...

    ResponderEliminar
  2. Acho que tens toda a razão, infelizmente agora é assim. E cada vez mais ha pessoas a tornarem-se piores. Sigo :)

    ResponderEliminar
  3. isto vai de mal a pior :3
    gostei do blogue (:

    ResponderEliminar